March 22, 2018 / 8:48 PM / 6 months ago

Julgamento preliminar sobre cabimento de pedido de habeas corpus de Lula está empatado em 3 votos

BRASÍLIA (Reuters) - A análise pelo plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) do cabimento do pedido de habeas corpus feito pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está empatado em três votos após os votos dos ministros Luiz Fux e Dias Toffoli.

Fux votou nesta quinta-feira pela impossibilidade do pedido de habeas corpus feito pela defesa de Lula, colocando em 3 a 2 o placar pelo não cabimento do pedido, mas na sequência Toffoli votou pelo cabimento do pedido, empatando novamente o julgamento preliminar, que ainda não entrou no mérito do pedido.

Fux votou com os ministros Edson Fachin (relator do pedido) e Luís Roberto Barroso no entendimento de que a defesa de Lula não escolheu o instrumento processual apropriado para buscar impedir que ele seja preso após esgotados os recursos contra a condenação do petista em segunda instância no caso do tríplex no Guarujá (SP).

Divergiram deste entendimento, além de Toffoli, os ministros Alexandre de Moraes e Rosa Weber.

Reportagem de Ricardo Brito

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below