May 15, 2018 / 11:44 PM / 3 months ago

PF pede prorrogação de inquérito que investiga Temer em caso de propina paga pela Odebrecht

BRASÍLIA (Reuters) - A Polícia Federal pediu a prorrogação por mais 60 dias do inquérito que investiga o pagamento de uma propina de 10 milhões de reais ao MDB pela Odebrecht e envolvem o presidente Michel Temer.

Presidente Michel Temer durante cerimônia em Brasília 15/05/2018 REUTERS/Ueslei Marcelino

O pedido foi encaminhado à Procuradoria-Geral da República para parecer e terá que ser aprovado pelo relator do caso no Supremo Tribunal Federal, ministro Edson Fachin.

O inquérito investiga o pedido e posterior pagamento de uma propina de 10 milhões feito pelo MDB à Odebrecht, negociado em um jantar no Palácio do Jaburu onde estariam presidentes Temer, então vice-presidente, e o atual ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha.

Reportagem de Lisandra Paraguassu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below