January 31, 2019 / 1:39 PM / 2 months ago

Bolsonaro diz que segue se "recuperando e trabalhando do hospital"

(Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira, por meio de sua conta no Twitter, que segue se recuperando da cirurgia para retirada de bolsa de colostomia e trabalhando do hospital, onde está internado desde domingo.

15/01/2019 REUTERS/Ueslei Marcelino

“Sigo me recuperando e trabalhando do hospital. São muitas as linhas de atuação nesse primeiro mês de governo e ainda há muito a se fazer”, afirmou o presidente.

Bolsonaro, que já reassumiu as funções de presidente da República, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na véspera e está em um quarto do hospital Albert Einstein, onde se recupera da cirurgia.

De acordo com boletim médico divulgado pelo hospital no final da tarde, Bolsonaro segue em boa evolução clínica, sem febre ou outros sinais de infecção.

“Não há disfunções orgânicas e os exames laboratoriais estão estáveis. Continua em jejum oral, recebendo os nutrientes por via endovenosa. Estão sendo mantidas as medidas de prevenção de trombose venosa e realizados exercícios respiratórios, de fortalecimento muscular e um período de caminhada fora do quarto”, acrescentou o boletim.

Bolsonaro foi operado na segunda-feira por cerca de sete horas para retirada da bolsa de colostomia que usava desde que levou uma facada durante a campanha presidencial em setembro passado. A cirurgia também serviu para reconstrução do trato intestinal de Bolsonaro.

De acordo com informações da Presidência da República, Bolsonaro deve despachar e receber ministros em uma sala preparada para isso no hospital. O presidente deverá ficar no hospital por cerca de 10 dias.

De acordo com o Palácio do Planalto, a agenda de despachos do presidente será divulgada diariamente, e o porta-voz da Presidência manterá os briefings diários com informações da saúde do presidente e também de temas tratados nas audiências.

A cirurgia desta semana foi a terceira de Bolsonaro em decorrência de um atentado a faca sofrido em setembro, em Juiz de Fora (MG), durante a campanha eleitoral.

Bolsonaro, de 63 anos, primeiro teve que passar por uma delicada cirurgia de emergência na cidade mineira por conta de ferimentos nos intestinos grosso e delgado e em uma veia abdominal. Depois, passou por uma segunda cirurgia para desobstrução intestinal.

Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below