May 14, 2019 / 5:58 PM / 3 months ago

Chance de MP da reforma administrativa perder validade é zero, diz Onyx

Ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni 16/04/2019 REUTERS/Adriano Machado

BRASÍLIA (Reuters) - A chance de a Medida Provisória 870, que alterou a formatação do governo com a extinção e fusão de ministérios, perder validade é “zero”, afirmou nesta terça-feira o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que também avaliou que as investigações contra o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, não afetam o governo.

“Não, nenhum. Risco zero”, disse o ministro a jornalistas no Palácio do Planalto quando questionado sobre as chances de a MP 870 perder validade.

A proposta precisa ser analisada nos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado até 3 de junho, quando perderá validade. Na semana passada, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), acatou questão de ordem para votar as medidas provisórias por ordem de chegada ao plenário da Casa, e há cinco MPs que têm de ser analisadas antes da que trata da reforma administrativa.

Outro complicador para a votação da proposta nesta semana é a ausência tanto de Maia quanto do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que estão em viagem oficial aos Estados Unidos.

O ministro também foi questionado sobre as investigações em torno de movimentações atípicas feitas por Flávio Bolsonaro e pelo ex-assessor do senador Fabrício Queiroz, detectadas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).

Os sigilos bancários e fiscal de Flávio Bolsonaro e de Queiroz, assim como de pessoas e empresas ligadas a ambos, foi quebrado pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, disseram fontes com conhecimento do assunto na segunda-feira. A assessoria do senador confirmou a quebra dos sigilos em nota.

Para Onyx, no entanto, as investigações sobre o filho do presidente não atrapalham a gestão Bolsonaro. O ministro foi além e disse que o governo confia em Flávio.

“Primeiro, isso foi no âmbito da Justiça do Rio de Janeiro. Eu acho que é uma questão que tem de ser resolvida dentro do processo que está em aberto. O governo tem uma agenda que está dada para o Brasil. Nós temos total tranquilidade e temos confiança no Flávio e certeza de que o governo está conduzindo o trabalho”, disse Onyx, para quem “de jeito nenhum” este caso afeta o governo.

Por Lisandra Paraguassu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below