June 13, 2019 / 7:09 PM / 2 months ago

Brasil abre 2 x 0, mas leva virada da Austrália e perde em dia de recorde para Marta

Goleira Bárbara falha no gol brasileiro e Austrália marca em partida da Copa do Mundo em Montpellier, na França 13/06/2019 REUTERS/Eric Gaillard

MONTPELLIER, França (Reuters) - A Austrália se recuperou de uma desvantagem de dois gols, virou o jogo e venceu o Brasil por 3 x 2 nesta quinta-feira pela Copa do Mundo feminina, com um gol contra de Mônica fechando o grande triunfo australiano e ofuscando um recorde atingido por Marta.

Marta, de 33 anos, se tornou a primeira jogadora a anotar gols em cinco edições diferentes de Copa do Mundo, ao colocar o Brasil à frente no placar em cobrança de pênalti, alcançando também a marca recorde de 16 gols em Copas, antes de Cristiane dobrar a vantagem ainda no primeiro tempo.

Pouco antes do intervalo, porém, Caitlin Foord reduziu a vantagem, e na etapa final, em duas falhas do sistema defensivo brasileiro, Chloe Logarzo empatou e um gol contra de Mônica virou o jogo, garantindo a vitória australiana.

Agora, tanto Brasil quanto Austrália possuem três pontos cada no grupo C, assim como a Itália, que enfrenta a Jamaica na sexta-feira depois de bater as Matildas, como é conhecida a seleção australiana, na abertura da chave.

Marta abriu o marcador aos 27 minutos do primeiro tempo, convertendo penalidade sofrida por Letícia Santos de Elise Kellond-Knight. A atual melhor jogadora do mundo pela Fifa já havia marcado nas Copas de 2003, 2007, 2011 e 2015.

Cristiane anotou seu quarto gol na competição aos 38, em uma bela cabeceada, mas Foord manteve vivas as esperanças australianas com uma finalização da entrada da pequena área.

Marta, que havia perdido o primeiro jogo, contra a Jamaica, por conta de uma lesão, foi substituída no intervalo, com o técnico Vadão buscando descansá-la, mas a decisão do treinador se voltou contra o Brasil, que perdeu o controle do jogo.

Logarzo igualou o marcador com um chute de longa distância aos 13 do segundo tempo, oito minutos antes de Mônica cabecear contra seu próprio patrimônio, em gol confirmado após revisão pelo árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês).

Na próxima rodada, Brasil e Itália se enfrentam em partida decisiva para as pretensões de classificação das brasileiras, enquanto a Austrália fecha a primeira fase contra a Jamaica.

Reportagem de Julien Pretot

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below