for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Nacional

Marcos Pontes é o quinto ministro com Covid-19

Marcos Pontes ao lado do presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia de posse 01/01/2018 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, anunciou na quinta-feira que também está com a Covid-19, elevando a cinco o número de ministros do governo Jair Bolsonaro a ser diagnosticado com a doença.

Pontes informou que teve resultado positivo para a Covid-19 em uma transmissão feita na quarta, mas que teve trecho publicado em seu perfil no Facebook nesta quinta, em que conversou com o senador Roberto Rocha (PSDB-MA). Ao final, disse que tinha uma notícia “não tão boa”.

“Eu fiz o exame de Covid ontem porque estava com sensação um pouco de gripe. Veio o resultado e deu positivo, então eu vou continuar trabalhando em isolamento e continuar despachando normalmente com isolamento. Eu vou até entrar nos testes da nitaxozanida, agora eu posso”, disse.

O medicamento está sendo testado no Brasil por pesquisadores para avaliar se efeitos positivos encontrados em laboratórios se confirmam nos pacientes.

Desde o início da epidemia, Pontes é o quinto ministro a ser infectado com a Covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus. Logo depois da viagem de Bolsonaro a Miami, em março, 23 pessoas da comitiva foram contaminadas, entre eles o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, e o Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, que tiveram resultados positivos.

Recentemente, com os números da epidemia crescendo em Brasília, foram infectados Onyx Lorenzoni, da Cidadania, e o novo ministro da Educação, Milton Ribeiro, que anunciou a doença poucos dias depois de tomar posse no cargo.

No último dia 25, Ribeiro anunciou pelo Twitter que estava com um princípio de pneumonia e tomando antibióticos.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up