for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Nacional

Senado aprova reajuste a policiais a bombeiros do DF, que segue à promulgação

REUTERS/Adriano Machado

BRASÍLIA (Reuters) - O Senado aprovou nesta terça-feira medida provisória que reajustou os salários de policiais e bombeiros do Distrito Federal, custeados pela União, com efeito retroativo a janeiro de 2020.

A MP que segue à promulgação foi editada pelo governo no fim de maio para evitar que os aumentos fossem bloqueados pela sanção do pacote de ajuda aos Estados, a MP tem impacto estimado de mais de 500 milhões de reais e precisava ser votada pelo Senado até esta terça-feira, ou perderia a validade.

A MP foi analisada pelos deputados na segunda-feira.

Bancado pelo Fundo Constitucional do Distrito Federal (FCDF), o reajuste dos servidores da área de segurança é de 8% para policiais civis do Distrito Federal e de 25% para policiais militares e para os bombeiros do DF.

Em meados de maio, o Congresso aprovou projeto de lei que autoriza, na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), o pagamento do reajuste.

A MP incluiu ainda nos reajustes policiais militares e do Corpo de Bombeiros dos ex-territórios federais --Roraima, Rondônia e Amapá.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up