January 2, 2018 / 10:08 PM / 9 months ago

Diretor do Balé de NY se aposenta após acusações de assédio sexual e abusos

NOVA YORK (Reuters) - O diretor do Balé da Cidade de Nova York, Peter Martins, disse na segunda-feira estar se aposentando da prestigiosa companhia de dança e da Escola Americana de Balé, onde é presidente do corpo docente, após acusações de assédio sexual e abusos verbais e físicos de dançarinos.

As acusações estão sendo investigadas por um advogado independente contratado pelas duas organizações no mês passado, após o Balé da Cidade de Nova York dizer ter recebido uma carta anônima com acusações gerais e não específicas de assédio sexual contra Martins.

    Em carta aos conselhos de ambas instituições com data de segunda-feira, fornecida à Reuters pelo Balé da Cidade da Nova York, Martins disse: “Eu neguei, e continuo a negar que cometi tal ato irregular”. Ele descreveu as acusações como amplamente anônimas e velhas.

    Martins, de 71 anos, não pôde ser alcançado para comentários. A Reuters não pôde confirmar de forma independente qualquer uma das acusações.

    Ele é o mais recente de dezenas de homens de alto escalão na mídia, entretenimento e política a se aposentar, renunciar ou ser demitido nos meses recentes após acusações de assédio ou abuso sexual.

    “Para colocar um fim a este problema que tem envolvido o balé e a escola, eu decidi que é hora de me aposentar”, escreveu em carta o bailarino e coreógrafo nascido na Dinamarca.

Reportagem de Peter Szekely

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below