June 14, 2018 / 6:53 PM / 2 months ago

Violoncelista do casamento real Kanneh-Mason triunfa no Classic BRIT Awards

LONDRES (Reuters) - Sheku Kanneh-Mason, o violoncelista de 19 anos que conquistou uma legião de fãs por todo mundo quando tocou no casamento do príncipe Harry com a atriz Meghan Markle no mês passado acrescentou à sua lista de feitos dois prêmios no Classic BRIT Awards em Londres.  

Kanneh-Mason, que venceu o concurso da BBC de Jovem Músico do Ano em 2016, recebeu o título de Artista Masculino do Ano assim com o prêmio de escolha dos críticos na cerimônia em Londres na noite de quarta-feira, que celebrou a música clássica no teatro, cinema, televisão e jogos. 

O violoncelista foi catapultado à fama mundial no casamento no dia 19 de maio em Windsor, onde foi acompanhado por uma orquestra e tocou a “Ave Maria” de Franz Schubert, “Apres un Reve” de Gabriel Faure, e “Sicilienne” de Maria Theresia von Paradis. 

Ainda na cerimônia de premiação do Truste da Indústria Fonográfica Britânica (BRIT) Clássica, a soprano norte-americana Renee Fleming ganhou como melhor artista feminina, enquanto os cantores Michael Ball e Alfi Boe foram nomeados melhor grupo do ano. 

A cantora veterana britânica Vera Lynn, que cantou para as tropas britânicas durante a Segunda Guerra Mundial, foi homenageada com um Lifetime Achievement Award. O tenor italiano Andrea Bocelli foi nomeado ícone dos Classic BRITs. 

Outros homenageados incluíram o compositor Andrew Lloyd Webber, que recebeu um prêmio especial de reconhecimento pelo teatro musical e Educação. 

Reportagem de Marie-Louise Gumuchian

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below