for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Pearl Jam adia turnê norte-americana devido ao coronavírus

Eddie Vedder, do Pearl Jam, durante show em Nova York 07/04/2017 REUTERS/Lucas Jackson

(Reuters) - A banda de rock norte-americana Pearl Jam, responsável por sucessos como “Black” e “Even Flow”, anunciou na segunda-feira que adiará a primeira parte de sua Turnê Gigaton, que teria 17 shows na América do Norte e deveria começar em 18 de março, devido ao surto de coronavírus.

“Estão nos dizendo que fazer parte de grandes aglomerações está no topo da lista de coisas a se evitar, já que agora esta crise de saúde global está começando a afetar as vidas de todos nós”, disse a banda em uma carta publicada em seu site, acrescentando que as apresentações serão remarcadas.

À medida que o coronavírus se espalha nos Estados Unidos, a vida cotidiana vem sofrendo transtornos cada vez maiores. Shows e conferências estão sendo cancelados, e as universidades estão orientando os alunos a ficarem em casa e assistir aulas pela internet.

As datas de todos os shows que aconteceriam nos EUA e no Canadá até o final de abril foram adiadas, mas a turnê europeia ainda deve começar em 23 de junho na Alemanha, segundo o site.

O Pearl Jam deve lançar seu 11º álbum, Gigaton, no dia 27 de março.

Por Rama Venkat em Bengaluru

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up