for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Oprah e Julia Roberts pedirão união contra o coronavírus em live global "Call to Unite"

Atriz norte-americana Julia Roberts 09/12/2019 REUTERS/Yen Duong/Files

LOS ANGELES (Reuters) - Oprah Winfrey, Julia Roberts, Deepak Chopra e o ex-presidente norte-americano George W. Bush estão entre os cerca de 200 líderes culturais e espirituais que participarão de uma transmissão ao vivo de 24 horas neste final de semana para pedir união contra a pandemia de coronavírus.

“The Call to Unite”, que começará às 21h de sexta-feira (horário de Brasília) e será transmitido globalmente por Facebook, YouTube, Twitter e outras plataformas de redes sociais, almeja amparar as pessoas que perderam entes queridos para a Covid-19 ou que se sentem isoladas, deprimidas ou sobrecarregadas.

O músico clássico Yo-Yo Ma, o rapper Charlamagne tha God, o Coral de Crianças Africana, a guru de estilo de vida Marie Kondo e o pastor norte-americano Rick Warren contribuirão com orações, canções e mensagens espirituais, disseram os organizadores.

“Por mais que pareça, ninguém está sozinho neste momento”, disseram os organizadores em um comunicado, convidando pessoas de todo o planeta a “se unirem a milhões em solidariedade durante 24 horas poderosas”.

A transmissão ao vivo, um de vários eventos virtuais que visam unir as pessoas durante a pandemia, é organizado por Tim Shriver, presidente das Olimpíadas Especiais.

Criadas em 1968, as Olimpíadas Especiais proporcionam treinamento esportivo para pessoas com deficiências intelectuais durante o ano inteiro, mas seus programas foram suspensos por causa do coronavírus.

Por Jill Serjeant

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up