for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Paris Hilton revela detalhes de passado conturbado em documentário

Paris Hilton 17/05/2018 REUTERS/Stephane Mahe

(Reuters) - A socialite norte-americana Paris Hilton passou de estrela de reality show a empresária e agora ativista.

A celebridade alega em seu novo documentário, “This is Paris”, que foi abusada mental e fisicamente em um colégio interno quando adolescente e que agora trabalha para que a escola seja fechada.

“Tantas pessoas me escreveram dizendo ‘Muito Obrigado’”, disse Hilton, de 39 anos, que disse que não fala com seus pais há 20 anos porque eles a enviaram para a Provo Canyon School, no Estado de Utah.

No documentário, que estreou no canal de Hilton no YouTube neste mês, ela diz que foi mentalmente e fisicamente abusada, colocada em confinamento solitário por horas e forçada a tomar medicamentos desconhecidos.

A Reuters não conseguiu confirmar as acusações de maneira independente.

Hilton disse que foi mandada para a instituição e para outras escolas para adolescentes problemáticos após anos de insubordinação e revolta.

Em resposta às acusações de Hilton, a Provo Canyon School enviou uma nota que diz em parte: “Estamos cientes que a mídia está mencionando a Provo Canyon School. Por favor entendam que a PCS foi vendida por seu proprietário anterior em agosto de 2000. Nós, portanto, não podemos comentar sobre as operações ou experiências de pacientes antes disso”.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up