for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Presidente do México cogita pedir ajuda da ONU para recuperar artefatos de museus

Tesouro da rainha maia Tzak-bu Ajaw em exibição na Cidade do México 26/07/2020 REUTERS/Henry Romero

CIDADE DO MÉXICO(Reuters) - O presidente do Méxicos, Andrés Manuel López Obrador, disse nesta segunda-feira que está cogitando apelar à Organização das Nações Unidas (ONU) em busca de ajuda para conseguir a devolução de artefatos pré-hispânicos mantidos em museus estrangeiros.

“Estou cogitando seriamente apresentar uma iniciativa nas Nações Unidas pela devolução destas peças de herança a seus vilarejos originais”, disse López Obrador durante sua coletiva de imprensa matinal.

Ele disse que a exibição dos artefatos em museus europeus é parte de uma “política colonialista”.

López Obrador pediu que instituições europeias enviem artefatos pré-hispânicos ao México para que estes sejam exibidos durante eventos que lembrarão o 500º aniversário da queda do império asteca diante da Espanha no ano que vem.

Algumas das instituições ainda não concederam as permissões, expressando receio a respeito de danos no transporte ou da devolução dos artefatos.

Por Raul Cortes Fernandez e Laura Gottesdiener

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up