for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Novos filmes de Chris Pine e Michael Moore inauguram Festival de Cinema de Toronto

Diretor Michael Moore chega para estreia mundial do documentário Fahrenheit 11/9 no Festival Internacional de Cinema de Toronto 07/09/2018 REUTERS/Mark Blinch

TORONTO (Reuters) - A estreia mundial do drama escocês “Outlaw King”, do Netflix, e o novo documentário de Michael Moore sobre a era Trump inauguraram o Festival Internacional de Cinema de Toronto na quinta-feira, dando início a 10 dias de exibição de filmes que tentarão atrair as atenções antes da temporada de premiações de Hollywood.

Os atores Chris Pine e Aaron Taylor-Johnson e o diretor David Mackenzie percorreram o tapete vermelho para divulgar “Outlaw King”, filme de ação a respeito do rebelde do século 14 Roberto de Bruce e sua luta para recuperar o controle de sua terra natal de um Exército inglês invasor.

Em outro cinema de Toronto, o ativista liberal Moore falou sobre “Fahrenheit 11/9”, sua visão provocadora sobre as razões que explicam a eleição de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos em 2016.

“Exploramos a questão de como nos metemos nessa confusão dos diabos e como saímos dela”, disse Moore à Reuters Television. “O filme também trata muito de quem somos como americanos, porque ele (Trump) não surgiu do nada”.

Robert Redford, Julia Roberts, Lady Gaga, Viola Davis e Ryan Gosling estão entre as celebridades esperadas em Toronto, que se tornou um evento crucial da temporada de premiações que culmina com o Oscar no dia 24 de fevereiro do ano que vem.

A edição deste ano do festival incluiu 254 longas-metragens e 88 curtas.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up