for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Audiência do Globo de Ouro nos EUA é menor, mas evita queda maior

Jim Beach, Roger Taylor, Rami Malek --com seu prêmio de Melhor Ator--, Graham King e Mike Meyers posam para foto no Globo de Ouro 07/01/2019 REUTERS/Mario Anzuoni

LOS ANGELES (Reuters) - A audiência da edição deste ano do Globo de Ouro nos Estados Unidos caiu cerca de 2 por cento, mas uma série de filmes e celebridades populares entre os nomeados ajudou a cerimônia a evitar uma tendência de quedas bem maiores entre os grandes eventos de entretenimento.

Foram registrados 18,6 milhões de telespectadores da premiação de domingo à noite, que teve a cinebiografia “Bohemian Rhapsody” e Lady Gaga entre os grandes vencedores. O número é menor do que os 19 milhões que assistiram à cerimônia em 2018, mostraram dados da Nielsen divulgados nesta segunda-feira pela emissora NBC, do conglomerado Comcast Corp.

O Globo de Ouro deu o pontapé inicial da temporada de premiações em Hollywood, que culmina com a cerimônia do Oscar, em fevereiro, cujos indicados serão divulgados em 22 de janeiro.

A cerimônia de três horas do Globo de Ouro, apresentada pelos atores Sandra Oh e Andy Samberg, foi a atração mais vista no horário nobre da TV dos EUA desde o Oscar de março do ano passado, com a exceção do noticiário e de eventos esportivos, segundo a NBC.

O pequeno declínio no número total de telespectadores evitou uma tendência que resultou em quedas de 15 por cento nas cerimônias do Oscar e do Grammy em 2018.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up