April 25, 2019 / 7:58 PM / 7 months ago

Legado de Stanley Kubrick é lembrado em Museu do Design de Londres

Diretor Stanley Kubrick em foto sem data tirada por sua esposa

LONDRES (Reuters) - Dos figurinos usados em “Laranja Mecânica” aos objetos de cena de “Nascido para Matar”, uma exibição dedicada a Stanley Kubrick será inaugurada em Londres nesta semana lançando um olhar sobre a obra cinematográfica do falecido diretor norte-americano 20 anos após sua morte.

Filmes, pôsteres, fotos, cartas e entrevistas também estarão na mostra “Stanley Kubrick: The Exhibition”, uma exposição itinerante que agora chega ao Museu do Design de Londres.

    Roteirista, diretor e editor, Kubrick era conhecido por suas pesquisas minuciosas e sua atenção aos detalhes ao fazer filmes influentes como a ficção científica “2001: Uma Odisseia no Espaço”, o terror “O Iluminado” e a comédia de humor negro “Doutor Fantástico”, que está sendo relançada no Reino Unido neste mês.

    “Queríamos criar uma atmosfera, então isto na verdade não é uma coleção de figurinos e pôsteres, mas está tentando fazer os filmes ganharem vida com a sensação do que os inspirou, de como foram feitos”, disse o diretor do museu, Deyan Sudjic, à Reuters.

    “Ele era minucioso e tinha avidez pelo detalhe”.

    Kubrick morou durante mais de 40 anos no Reino Unido, onde também criou seus sets de filmagem – um hotel nas Montanhas do Colorado para “O Iluminado”, uma estação espacial para “2001” e campos de batalha no Vietnã para o filme de guerra “Nascido para Matar”.

Por Louise McLoughlin

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below