May 15, 2019 / 11:24 PM / 3 months ago

John Carpenter, diretor cult de filmes de horror, é homenageado em Cannes

Diretor John Carpenter posa para foto durante Festival de Cannes 15/05/2019 REUTERS/Regis Duvignau

CANNES, França (Reuters) - Cannes fez um tributo ao mestre cult do horror John Carpenter nesta quarta-feira, concedendo um prêmio ao diretor de “A Coisa” por sua contribuição ao cinema.

Carpenter – também conhecido por clássicos como “Halloween” e “Fuga de Nova York” – foi agraciado com a Carruagem de Ouro pela associação de diretores franceses na abertura da Quinzena de Realizadores, evento paralelo ao principal no festival de Cannes, na Riviera Francesa.

De modo adequado para um cineasta que é reconhecido como compositor pioneiro, responsável por compor em parceria a maioria de suas trilhas, a noite de gala começou com uma misteriosa música eletrônica.

Carpenter, diretor norte-americano que vive na Califórnia, disse no evento que ficou fascinado com a maneira como os personagens emergiam dos raios de luz no projetor desde sua primeira ida ao cinema, aos três anos, quando viu Katherine Hepburn e Humphrey Bogart em “Uma Aventura na África”.

“É esse transportar uma audiência para o mundo da luz e das sombras ao seu redor o que eu me orgulho de fazer parte”, disse ele.

A mostra principal de Cannes abriu com a extravagância zumbi “Os Mortos Não Morrem”, na terça-feira à noite. O diretor do longa, Jim Jarmusch, citou Carpenter como uma de suas inspirações e referências em filmes de horror.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below