for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Ativista climática sueca se prepara para navegar aos EUA em iate de corrida sem banheiro

Ativista sueca do clima Greta Thunberg em frente a mina de carvão na Alemanha 10/08/2019 REUTERS/Wolfgang Rattay

LONDRES (Reuters) - A ativista climática sueca adolescente Greta Thunberg zarpará para Nova York na quarta-feira, cruzando o Atlântico em um iate de corrida sem chuveiro nem banheiro, para participar de protestos nos Estados Unidos e de uma cúpula da Organização das Nações Unidas (ONU).

Para evitar viajar pelo ar, Greta está fazendo sua viagem transatlântica a bordo do iate de 18 metros Malizia II, que conta com painéis solares e turbinas submersas que produzem eletricidade a bordo com a meta de tornar a jornada livre de carbono.

“Posso me sentir um pouco mareada, e não será confortável, mas isso eu aguento”, disse ela à BBC TV em Plymouth, no sudoeste da Inglaterra, de onde deve partir na tarde de quarta-feira.

“Se for muito difícil, só tenho que pensar que são só duas semanas e que depois posso voltar ao normal”, afirmou a jovem de 16 anos, que será acompanhada pelo pai, Svante, e um operador de câmera.

No início deste mês, o capitão do barco disse à Reuters que a ativista adolescente, que se tornou um exemplo para jovens ativistas climáticos, enfrentará uma travessia desafiadora no iate, que prioriza a velocidade, não o luxo.

Não há chuveiro nem banheiro – os tripulantes têm que usar um balde azul.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up