26 de Outubro de 2010 / às 15:40 / em 7 anos

Apresentador de TV é escolhido americano mais influente do ano

LOS ANGELES (Reuters Life!) - O apresentador de talk show Jon Stewart foi considerado nesta terça-feira o homem mais influente de 2010 nos EUA, liderando uma lista de 49 personalidades que formam a opinião pública e foram descritas como pessoas que conseguiram se superar de alguma forma em tempos de recessão.

<p>Jon Stewart em seu talk show, em 2008. O apresentador foi considerado nesta ter&ccedil;a-feira o homem mais influente de 2010 nos EUA. 26/08/2010 REUTERS/Eric Thayer</p>

Stewart, que receberá nesta semana o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, no programa "The Daily Show with Jon Stewart", ficou em primeiro lugar em uma pesquisa anual, de cerca de 500 mil leitores, do AskMen (www.askmen.com), um website voltado para o estilo de vida masculino.

Em segundo lugar ficou o dono da Microsoft, Bill Gates, com Mark Zuckerberg, fundador da rede social Facebook, em terceiro. O co-fundador da Apple e chefe executivo da empresa, Steve Jobs, foi o quarto.

“Notamos a tendência da superação no tempo de crise porque ela se estende sobre muitas indústrias”, afirmou à Reuters James Bassil, editor-chefe do AskMen.

Ele disse que tal atribuição se estende ao músico Kanye West, que ficou em quinto, e para o ator James Franco, o sétimo, que provou ser mais do que apenas um astro dos filmes ao se matricular em programas de graduação e escrever um livro.

Em 48º lugar na lista ficou Steven Slater, o comissário de bordo da JetBlue que deixou seu posto de trabalho falando palavrões e pulando para fora do avião por um escorregador inflável de emergência, ganhando grande admiração.

Neste mês, Slater, de 38 anos, declarou-se culpado em duas acusações de conduta criminosa e foi submetido a um programa de tratamento mental de um ano, além de receber aconselhamento sobre abuso de álcool e outras substâncias.

“Na lista deste ano observamos mais os caras que foram importantes na indústria ou foram reconhecidos como importantes, como o (presidente do Federal Reserve) Ben Bernanke”, disse Bassil.

A lista do ano passado foi liderada pelo personagem Don Draper, da série vencedora do Emmy “Mad Men”, interpretado pelo ator Jon Hamm. O segundo lugar ficou com o velocista jamaicano Usain Bolt. As características da votação em 2010 podem ter sido ditadas pela recessão e pela lenta recuperação econômica, afirmou Bassil.

Uma importante ausência neste ano foi a do golfista Tiger Woods, cuja vida pessoal degringolou depois das acusações de infidelidade, no ano passado, terem resultado em meses de escândalos sexuais para o norte-americano. Mais tarde, ele confessou ser infiel e se divorciou de sua mulher, Elin Nordgren, em agosto.

Entretanto, o apresentador de talk show David Letterman ficou na 39a posição, apesar de ter feito revelações no ar sobre seus casos extraconjugais e de ter pedido desculpas a sua mulher.

O presidente do EUA, Barack Obama, caiu para a 21a posição, depois de ficar entre os cinco primeiros no ano passado.

Reportagem de Elaine Lies

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below