29 de Novembro de 2011 / às 14:31 / 6 anos atrás

Disputa sobre Camembert da Normandia vai aos tribunais

Por Anna Maria Jakubek

Caixa do queijo francês Camembert, na La Ferme de la Heronniere, da vila Camembert, na França. O debate sobre qual Camembert macio e salgado é o verdadeiro queijo da Normandia poderá ir para os tribunais. 09/09/2011 REUTERS/Regis Duvignau

PARIS (Reuters) - O debate sobre qual Camembert macio e salgado é o verdadeiro queijo da Normandia poderá ir para os tribunais.

Pequenos produtores da região no noroeste da França dizem que as indústrias estão tirando vantagem do rótulo “Camembert feito na Normandia” e prejudicando os fabricantes artesanais ao usar a mesma frase para designar a sua versão do queijo feito com leite de vaca.

Embora qualquer produtor de queijo no mundo possa usar a palavra “Camembert” em seu rótulo, a frase “Camembert feito na Normandia” é uma forma de certificação europeia, ou denominação protegida de origem (AOP, na sigla em francês), reservada desde 1983 para os poucos que seguem métodos tradicionais.

Puristas utilizam leite cru de vacas da Normandia e moldam o queijo com as mãos. Já as indústrias são mais propensas a pasteurizar o leite -- ou aquecê-lo para matar as bactérias e obter coalhada, mais fácil de processar - e adquirem o leite de todas as partes, permitindo obter um produto de menor preço.

Preocupada com o fato de a diferença entre os dois processos estar não estar ficando clara para os consumidores, a associação de fabricantes AOP Camembert planeja abrir um processo de “usurpação de notoriedade” até o final do ano para impedir que as indústrias usem a mesma frase.

Na verdade, o rótulo “Camembert feito na Normandia” é preciso, uma vez que as indústrias fabricam seu Camembert pasteurizado na região.

Mas especialistas explicam que a sutileza na frase cria uma situação na qual os compradores, já inundados com informações, têm pouca compreensão dos significados dos rótulos e de qualquer modo os ignoram.

“As pessoas vão prestar mais atenção às cores na caixa ou ao seu aspecto rústico ou à imagem de uma vaca debaixo de uma macieira”, disse Charles Pernin, especialista em comida na agência francesa de defesa do consumidor CLCV.

Os produtores AOP disseram que tentaram inicialmente negociar com as indústrias ao exigir que elas contribuam financeiramente para uma campanha publicitária e retirem a inscrição “feito na Normandia” do rótulo, mas os dois lados não conseguiram chegar a um acordo.

“Nós não somos guerreiros”, disse Patrick Mercier, presidente da associação dos produtores de Camembert da Normandia, que abriu o processo. “Tentamos encontrar uma solução, agora este é o nosso último recurso.”

A federação de produtores industriais de Camembert não respondeu aos pedidos para comentar o assunto.

A AOP Camembert representa apenas cerca de cinco por cento do mercado francês total de Camembert, uma queda em relação a vários anos atrás, quando alguns grandes produtores AOP passaram a utilizar leite aquecido e renunciaram à designação

AOP.

Em 2010, os produtores AOP fabricaram 4.300 toneladas de Camembert, enquanto os industriais não pertencentes à AOP produziram 80.000 toneladas, de acordo com Mercier.

O queijo pungente com cheiro de terra e sabor frutado remonta pelo menos ao século 18 no vilarejo Camembert, da Normandia, um pedaço de campo com riachos e colinas e macieiras.

Inicialmente restrito à Normandia, o queijo foi levado para Paris na década de 1850 através de uma estrada de ferro recém-construída e ganhou fama nacional no século 20.

Com a invenção da caixa de madeira usada para transportar o queijo em 1890 e o advento da pasteurização na década de 1950, o Camembert se espalhou mundialmente.

Em comparação com o tipo pasteurizado, o Camembert de leite cru tende a ser mais cremoso, com um sabor mais acentuado e um amarelo mais vistoso no interior. E também é mais caro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below