24 de Abril de 2013 / às 14:03 / em 5 anos

Receitas de chefs famosos podem fazer mal à saúde, indica pesquisa

LONDRES, 24 Abr (Reuters) - A fartura de creme e manteiga pode ficar bonita sobre o prato, mas não é necessariamente tão boa para a sua saúde.

Chefs posam para fotos em frente ao monumento "Anjo da Independência", na Cidade do México, em março. Receitas de chefs famosos podem fazer mal à saúde, indica pesquisa. 16/03/2013 REUTERS/Bernardo Montoya

Uma pesquisa publicada nesta quarta-feira na revista Food and Public Health por cientistas da Universidade de Coventry, na Grã-Bretanha, mostra que receitas executadas por cozinheiros famosos estão “exacerbando” problemas como a obesidade por estimular as pessoas a consumir pratos mais gordurosos.

Chefs que fazem sucesso na TV e nas livrarias, como Nigella Lawson, Jamie Oliver e Delia Smith, atraem legiões de fãs na Grã-Bretanha, assim como concursos televisivos de culinária, como o MasterChef e o Great British Bake Off.

Mas os pesquisadores disseram que de 904 receitas testadas por eles (extraídas de 26 livros) 87 por cento ficavam substancialmente aquém das recomendações do governo britânico para uma alimentação saudável.

“Se as pessoas usarem regularmente as receitas encontradas nesses livros culinários pode ser que os chefs-celebridades estejam exacerbando as questões de nutrição na saúde pública no Reino Unido”, disse Ricardo Costa, conferencista em Coventry e principal autor do estudo.

Há poucos meses, outro estudo, publicado na revista British Medical Journal, já havia concluído que as receitas de chefs da TV, incluindo Oliver e Lawson, são menos saudáveis do que refeições prontas.

Os pesquisadores de Coventry não revelaram quais receitas foram testadas, mas disseram que a escolha, a partir de livros e sites populares, foi aleatória, de modo a garantir uma representação equilibrada dos diferentes tipos de pratos.

“O estudo não é para execrar chefs-celebridades. No entanto, dado o grau de confiança que o público tende a depositar na integridade nutricional das receitas desses cozinheiros, é importante salientar onde eles estão ficando para trás dos parâmetros de alimentação saudável”, disse Costa.

Após uma análise de cada receita testada, os acadêmicos concluíram que apenas 13 por cento usavam ingredientes compatíveis com os parâmetros da Agência Britânica de Padrões Alimentares.

Os resultados também mostraram que todos os cozinheiros que tiveram receitas testadas promoviam receitas com níveis indesejados de certos nutrientes, especialmente ácidos graxos saturados, açúcares e sal, vinculados à obesidade e a fatores de risco associados a diabetes e doenças cardíacas.

A chef-celebridade Annabel Karmel, autora de livros de receitas para crianças e famílias, disse à Sky News que algumas receitas nesse tipo de livro tendem ao excesso, mas que as pessoas “são suficientemente inteligentes para escolherem suas próprias receitas” e obter uma alimentação saudável.

“Se você quiser comer um bolo de chocolate, sim, estará bem acima dos padrões e diretrizes alimentares, e tudo bem, porque você tem a opção de comer fruta ou bolo de chocolate”, afirmou Karmel.

Reportagem de Paul Casciato

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below