17 de Novembro de 2016 / às 17:21 / um ano atrás

SpaceX busca aprovação dos EUA para operar rede de satélites

HOUSTON (Reuters) - A companhia de lançamento de foguetes SpaceX está pedindo autorização do governo para operar uma enorme rede de satélite que propiciaria uma cobertura global de internet de alta velocidade, segundo documentos arquivados junto à Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos nesta quinta-feira.

Sediada na Califórnia e operada pelo empresário bilionário Elon Musk, a empresa propôs uma matriz de comunicações digitais que em algum momento compreenderia 4.425 satélites, mostraram os documentos. O projeto, que Musk anteriormente havia estimado em pelo menos 10 bilhões de dólares, foi anunciado pela primeira vez em janeiro de 2015.

Os documentos recentes, que incluem detalhes técnicos da rede proposta, não citam os custos e planos de financiamento. Entre as empresas que investiram na SpaceX, estão o Google e a Fidelity Investments, que juntos contribuíram com 1 bilhão de dólares.

A rede proposta pela SpaceX começaria com o lançamento de cerca de 800 satélites para expandir o acesso à internet nos Estados Unidos, incluindo Porto Rico e as Ilhas Virgens, de acordo com o documento.

Por Irene Klotz

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below