22 de Dezembro de 2016 / às 20:35 / um ano atrás

Diretor de mídia da Ericsson vê aumento nas vendas após consolidação entre empresas de mídia e telecomunicações

ESTOCOLMO (Reuters) - A Ericsson vê mais acordos entre operadores de telecomunicações e empresas de mídia após a planejada aquisição da Time Warner com a AT&T, oferecendo alguma esperança para a fabricante de equipamentos de comunicação, que não cresce, disse seu chefe de mídia à Reuters.

Per Borgklint disse que o setor provavelmente verá mais aquisições do tipo, com as operadoras buscando mais conteúdo enquanto as empresas de mídia buscam maneiras mais eficientes de atingir os clientes.

A compra da Time Warner pela AT&T terá um efeito positivo sobre a Ericsson no longo prazo, embora no curto prazo ela possa levar a uma lentidão no processo de tomada de decisões, disse Borgklint em uma entrevista. A AT&T é a maior consumidora de mídia da Ericsson entre as empresas de telecomunicações.

“Caberá a nós capitalizar sobre isso, mas no geral é muito positivo que eles tenham um grande interesse onde nós somos ativos”, disse ele.

Após investir mais de 10 bilhões de coroas suecas (1,1 bilhão de dólares) em aquisições ao longo dos últimos 10 anos, o negócio de mídia da Ericsson permanece uma operação deficitária. Alguns ex-executivos disseram à Reuters que a empresa deveria vender a divisão.

Mas Borgklint disse que o negócio de mídia é uma boa opção para a empresa devido às vendas e sinergias técnicas com suas redes e operações de serviços.

Por Helena Soderpalm e Olof Swahnberg

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below