21 de Fevereiro de 2017 / às 21:02 / em 10 meses

UE muda regras de pagamentos para aumentar a concorrência

LONDRES (Reuters) - O órgão de regulamentação bancária da União Europeia atenuou regras propostas para aumentar o poder de escolha das pessoas ao pagarem por produtos e serviços, após o setor alertar sobre concorrência desleal.

O presidente do Conselho de Administração da Autoridade Bancária Europeia (EBA), Andrea Enria, disse que mudanças no projeto de regulação sobre serviços de pagamentos abre uma parte central do banco para novos entrantes.

A EBA surpreendeu a indústria no ano passado ao propor que apenas pagamentos de 10 euros ou menos estariam isentos de autenticação forte obrigatória, como o cliente digitando uma senha ou fornecendo uma impressão digital.

Enria disse numa conferência na terça-feira que esse limite seria aumentado para 30 euros.

Uma gama muito maior de empresas poderá oferecer aplicativos que permitem a clientes fazer pagamentos diretamente da conta para um varejista sem ter que usar cartões emitidos por bancos.

A EBA deve publicar suas propostas de regras finais ainda esta semana e a Comissão Europeia executiva do bloco terá que endossar a regra da EBA antes que elas entrem em vigor.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below