8 de Maio de 2017 / às 20:28 / 3 meses atrás

Aplicativo de música Smule arrecada US$54 mi em rodada de financiamento liderada pela Tencent

(Reuters) - A rede social de música Smule levantou 54 milhões de dólares em uma rodada de financiamento liderada pela gigante de tecnologia chinesa Tencent Holdings, e usará os recursos para impulsionar seu crescimento internacional, disse a empresa nesta segunda-feira.

O acordo vai ajudar a companhia baseada em San Francisco, na Califórnia, a expandir sua base na Ásia e se colocar no rumo de uma oferta pública inicial que pode acontecer no próximo um ano e meio. Apenas um terço de seus usuários estão na América do Norte.

"Temos visto um crescimento significativo no sudeste asiático nos últimos anos", disse o presidente-executivo da Smule, Jeffrey Smith. "(A região) é muito importante para o futuro da internet, e nós queremos alavancar alguns dos trabalhos que a Tencent fez na China".

Tencent se juntou aos investidores Adams Street Partners e Bessemer Ventures na rodada de arrecadação de fundos, que conferiu à Smule um valor de 604 milhões de dólares, disse uma fonte familiarizada com a situação.

Mais conhecida pelo seu aplicativo para celular WeChat, a Tencent apontou para o crescimento de seu negócio de música digital como uma iniciativa estratégica fundamental. No ano passado, assumiu uma participação majoritária em um novo empreendimento que combinou seu negócio de música digital com a China Music Corporation, o principal negócio de streaming de música da China.

"Estamos confiantes de que nosso investimento na Smule irá fortalecer ainda mais nossa posição para capturar o potencial promissor no mercado de música digital", disse Poshu Yeung, vice-presidente de negócios internacionais da Tencent, em comunicado.

A rede da Tencent no sudeste asiático será fundamental para a Smule aumentar sua participação na crescente base de usuários móveis na região, que responde por 40 por cento dos usuários da Smule. A empresa norte-americana irá usar os recursos levantados em marketing e para construir sua infraestrutura internacional, incluindo centros de dados.

Alguns dos maiores competidores da Smule estão na Ásia, como a chinesa ChangBa e a WeSing da Tencent. A Smule, que teve receita de 101 milhões de dólares em 2016, tem 52 milhões de usuários mensais ativos.

Por Lauren Hirsch

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below