9 de Junho de 2017 / às 18:11 / 2 meses atrás

UE abre investigação sobre acordo de US$38 bi entre a Qualcomm e NXP

Prédio da Qualcomm em San Diego, Estados Unidos 18/04/2017Mike Blake

BRUXELAS (Reuters) - Autoridades antitruste da União Europeia abriram nesta sexta-feira uma investigação sobre a oferta de 38 bilhões de dólares da fabricante norte-americana de chips Qualcomm pela NXP Semiconductors, preocupadas que a combinação das empresas possa pressionar os rivais e gerar aumento de preços.

Também há preocupação de que companhia poderia desenvolver a capacidade e o incentivo para alterar as práticas de licenciamento de propriedade intelectual da NXP, em particular a tecnologia NFC, ao transferi-las para o portfólio de patentes da Qualcomm, disse a Comissão Europeia.

O órgão regulador da União Europeia expressou preocupações sobre a redução da competição no setor de semicondutores usados em carros. Uma decisão deve ser tomada sobre o acordo até 17 de outubro.

A Qualcomm disse estar confiante em resolver as preocupações da UE e acrescentou que ainda espera fechar o negócio até o fim do ano. Reguladores antitruste dos EUA deram sinal verde para o acordo em abril, sem exigir concessões.

A Reuters informou no dia 2 de junho que a Qualcomm, que fornece chips para fabricantes de celulares Android e para a Apple, poderia estar sujeita a uma longa investigação da UE depois de se recusar a oferecer concessões para resolver as preocupações do bloco apresetadas em uma revisão preliminar.

Por Foo Yun Chee

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below