14 de Junho de 2017 / às 19:36 / em 6 meses

Assessor de tribunal francês diz que Google não deve ser responsabilizado por impostos atrasados

PARIS (Reuters) - O gigante de internet norte-americano Google, da Alphabet, não deve ser responsabilizado por mais de 1 bilhão de euros (1,13 bilhão de dólares) em impostos atrasados na França, recomendou a juízes franceses um assessor judiciário independente, de acordo com funcionário do tribunal na terça-feira.

I6/12/2011 REUTERS/Jacques Brinon/Pool

O assessor jurídico disse que o Google não tem “estabelecimento estável” ou presença tributável suficiente para ficar pendurado com 1,115 bilhão de euros em impostos atrasados, disse o funcionário.

Os juízes de um tribunal administrativo de Paris devem proferir uma decisão sobre o caso na primeira quinzena de julho, disse o funcionário da corte à Reuters.

Os promotores abriram uma investigação preliminar de fraude fiscal em 2015. A empresa disse que está totalmente em conformidade com a lei.

O Google paga poucos impostos na maioria dos países europeus, pois declara quase todas as suas receitas na Irlanda, que tem impostos mais baixos.

Por Simon Carraud

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below