23 de Junho de 2017 / às 22:16 / em 6 meses

Rússia ameaça bloquear serviço de mensagens Telegram

MOSCOU (Reuters) - O regulador de comunicação da Rússia, Roskomnadzor, acusou nesta sexta-feira o aplicativo de mensagens do Telegram de violar a legislação russa e disse que poderia bloqueá-lo se não fornecer informações sobre a empresa que a controla.

O chefe de Roskomnadzor, Alexander Zharov, disse em carta publicada no site do regulador que o tempo está acabando para o Telegram fornecer a informação necessária.

Pavel Durov, fundador do Telegram, disse que o aplicativo não foi bloqueado em nenhum outro país, acrescentando que, se o aplicativo for banido na Rússia, os funcionários do governo confiarão suas comunicações a serviços de outros países.

“Assim que o Telegram for bloqueado, a correspondência das autoridades russas, sua comunicação com amigos e parentes, bem como outros dados sensíveis via WhatsApp/Viber, serão migrados para serviços controladas pela Apple e pelo iCloud/Google Drive, dos EUA”, escreveu na rede social VKontakte.

Reportagem de Alexander Winning

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below