December 11, 2017 / 6:26 PM / a year ago

Fundo de Hong Kong diz à Toshiba que venda da unidade de chips não é necessária

Logo da Toshiba é visto em escritórios da companhia em Tóquio, Japão 11/4/2017 REUTERS/Toru Hanai

TÓQUIO (Reuters) - Um investidor ativista da Toshiba Corp disse ao conglomerado que a venda de 18 bilhões de dólares de sua unidade de chips para um grupo liderado pelo Bain Capital não é mais necessária após sua recente injeção de capital, de acordo com uma carta a que a Reuters teve acesso.

O Argyle Street Management, um fundo de hedge que administra 1,2 bilhão de dólares, enviou a carta ao conselho da Toshiba nesta segunda-feira, disse o diretor de investimentos Kin Chan à Reuters. O fundo não quis dizer quantas ações da Toshiba possui.

O primeiro acionista ativista a manifestar abertamente oposição à venda está convidando os mais de 30 investidores estrangeiros que participaram da recente emissão de ações da Toshiba, de 600 bilhões de ienes (5,3 bilhões de dólares), a atuar em equipe. O Argyle já está em negociações com pelo menos três fundos que compartilham a mesma visão, disse Chan.

A Toshiba em setembro fechou acordo de venda da Toshiba Memory - segunda maior produtora de chips NAND do mundo - para o consórcio liderado pelo Bain Capital para cobrir bilhões de dólares em passivos decorrentes da falência da Westinghouse, sua unidade de energia nuclear nos Estados Unidos.

Mas para se certificar que permaneça listada, a Toshiba também garantiu a injeção de 5,3 bilhões de dólares de fundos estrangeiros neste mês que, com amortizações de impostos, confere à empresa fundos suficientes para cobrir suas obrigações.

O preço de 18 bilhões de dólares para a unidade de chips “subvaloriza significativamente o negócio”, disse a carta do Argyle, acrescentando que o conselho deveria considerar, em vez disso, um IPO da Toshiba Memory.

Uma porta-voz da Toshiba não informou se a empresa recebeu a carta. Mas disse que o conglomerado está trabalhando para concluir a venda ao grupo liderado pela Bain Capital até o final de março “para garantir que a Toshiba Memory tenha os recursos necessários para continuar inovando e performance em um mercado de memória flash de rápido crescimento”.

Representantes do Bain não estavam disponíveis para comentar.

Por Taro Fuse e Makiko Yamazaki

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below