December 29, 2017 / 10:41 PM / in 7 months

Sequestradores ucranianos libertam analista de bitcoin após pagamento resgate de US$1 milhão

KIEV (Reuters) - Sequestradores na Ucrânia libertaram um funcionário de uma casa de câmbio de criptomoedas registrada no Reino Unido após receberem mais de um milhão de dólares em bitcoins como resgate, disse nesta sexta-feira um consultor do ministro do Interior da Ucrânia à Reuters.

Pavel Lerner, um analista sênior e especialista em blockchain, foi sequestrado por pessoas desconhecidas mascaradas em 26 de dezembro, de acordo com um comunicado de sua companhia, EXMO Finance, em seu site.

    “Este é o primeiro caso desse tipo ligado a bitcoins na Ucrânia”, disse Anton Gerashchenko, consultor do ministro do Interior, Arsen Avakov, por mensagem de texto.

    É incerto quem pagou o resgate. O trabalho de Lerner na EXMO não envolvia acesso a bens financeiros de seus usuários, informou a companhia, acrescentando que a plataforma está operando normalmente.

    “No momento, ele está seguro, não houve dano físico causado a ele”, informou o comunicado. “Não obstante, Pavel está atualmente em um estado de grande estresse, logo, ele não irá fornecer nenhum comentário oficial nos próximos dias.”

    A notícia da liberação coincidiu com a recuperação da bitcoin e de outras criptomoedas depois de dois dias de perdas parcialmente relacionadas a reguladores fortalecendo regras sobre moedas digitais em um esforço para conter especulação excessiva. Muitas moedas digitais tiveram forte alta neste ano.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below