January 9, 2018 / 2:44 PM / 9 months ago

Ambição global da Huawei sofre com colapso de acordo de distribuição com AT&T

HONG KONG (Reuters) - O planejado acordo entre a Huawei Technologies e a operadora de telefonia norte-americana AT&T para vender seus smartphones nos Estados Unidos fracassou no último momento, disseram pessoas com conhecimento do assunto, em um golpe para as ambições globais da empresa chinesa.

Logo da AT&T em loja de Golden, Estados Unidos 25/06/2017 REUTERS/Rick Wilking

Uma outra pessoa também familiarizada com as discussões disse que surgiram preocupações de segurança, sem elaborar mais.

A AT&T foi pressionada a desistir do acordo depois que os membros dos comitês de inteligência do Senado e da Câmara dos Deputados dos EUA enviaram uma carta em 20 de dezembro à Comissão Federal de Comunicações citando preocupações sobre os planos da Huawei de lançar produtos de consumo através de um importante operador de telecomunicações dos EUA, noticiou o site de tecnologia The Information.

A Huawei disse em um comunicado à Reuters na terça-feira que o seu smartphone premium, o Mate 10 Pro - concorrente do iPhone - não será vendido nos Estados Unidos por meio de uma operadora de telecomunicações, mas apenas através de canais abertos de distribuição.

“O mercado norte-americano apresenta desafios únicos para a Huawei e, enquanto o Huawei Mate 10 Pro não é vendido por operadoras dos EUA, continuamos comprometidos com esse mercado agora e no futuro”, disse a empresa chinesa.

A Huawei é a terceira maior fornecedora de smartphones do mundo em termos de volume, atrás apenas da Samsung Electronics e da Apple, mas tem apenas 0,5 por cento de participação no mercado de telefones inteligentes dos EUA, ante 39 por cento da Apple e 18 por cento da Samsung, de acordo com a empresa de acompanhamento da indústria Canalys.

Nos Estados Unidos, onde as operadoras de telefonia dominam a distribuição de smartphones, geralmente fornecendo subsídios e pacotes especiais, a Huawei não conseguiu fazer avanços significativos devido a preocupações de segurança nacional.

Huawei estava pronta para anunciar uma parceria com a AT&T para distribuir seus telefones nos Estados Unidos este ano, disseram as pessoas com conhecimento do assunto, que se recusaram a ser identificadas já que as conversas são privadas. A AT&T não quis comentar.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below