May 9, 2018 / 1:41 PM / in 2 months

TIM tem alta de 89% no lucro do 1o tri, para R$250 mi

SÃO PAULO (Reuters) - A operadora de telefonia TIM teve lucro líquido de 250 milhões de reais no primeiro trimestre, alta de 89 por cento sobre o mesmo período de 2017, em meio a um aumento da receita e leve queda dos custos, informou a empresa.

Pessoas passam em frente de loja da TIM no centro do Rio de Janeiro 20/08/2014 REUTERS/Pilar Olivares/File Photo

O resultado superou a estimativa de consenso da Thomson Reuters, de um lucro líquido de 232 milhões de reais.

O resultado operacional medido pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado subiu 16,4 por cento na comparação anual para 1,470 bilhão de reais.

“Esse crescimento foi ocasionado por aumento da receita de serviço móvel, aumento da receita com serviço fixo e redução nos custos totais”, disse a operadora.

A receita líquida da TIM cresceu 4,8 por cento na comparação anual para 4,139 bilhões de reais, no quinto trimestre consecutivo de crescimento. O desempenho foi puxado pelo crescimento de 6,4 por cento da receita líquida de serviços.

“Ambos os segmentos, móvel e fixo, estão contribuindo para esta performance, com a receita líquida de serviço móvel avançando 6 por cento ano a ano e a de serviço fixo com alta de 14,7 por cento”, disse a empresa. Já a receita de produtos caiu 24,7 por cento.

A receita média mensal por usuário (ARPU) avançou 13,8 por cento, a 21,6 reais, devido principalmente ao crescimento do pós-pago. A base de clientes pós-pagos avançou 20,5 por cento no ano a ano e agora representa 31,9 por cento da base total.

Os custos e despesas operacionais ajustados recuaram 0,7 por cento para 2,669 bilhões de reais, refletindo principalmente a queda no custo das mercadorias vendidas e de comercialização. As provisões para devedores duvidosos subiram 78,2 por cento no período, enquanto os gastos gerais e administrativos avançaram 4,6 por cento. A empresa afirmou que o aumento na provisão para calote ocorreu diante de fatores “pontuais” que incluíram greve dos Correios, o que gerou atraso no envio de contas aos clientes.

O resultado financeiro líquido ficou negativo em 170 milhões de reais, ante 103 milhões negativos um ano antes.

DÍVIDA E INVESTIMENTOS

Os investimentos da TIM no trimestre recuaram 3,5 por cento na comparação anual, para 646 milhões de reais, e foram direcionados principalmente em projetos de rede de transporte, tecnologia 4G e tecnologia da informação.

A TIM disse que pretende acelerar os investimentos durante o ano, conforme a implementação dos projetos aprovados no primeiro trimestre seja iniciada.

A dívida líquida da TIM fechou o trimestre em 2,819 bilhões de reais, ante dívida de 4,372 bilhões no mesmo período do ano passado. Com isso, a relação dívida líquida/Ebitda caiu para 0,46 vez ante 0,82 vez no primeiro trimestre do ano passado.

A TIM também anunciou o pagamento de 230 milhões de reais em juros sobre capital próprio referente ao primeiro trimestre, no dia 15 de agosto, e previu distribuição entre 800 milhões e 900 milhões de reais aos acionistas como JCP referente a exercício de 2018.

“A projeção de distribuição depende, substancialmente, das condições gerais da economia, das condições do mercado de atuação, bem como das condições regulatórias, estando sujeita a mudanças”, disse a empresa.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below