June 15, 2018 / 3:15 PM / 2 months ago

Acordo entre Qualcomm e NXP ainda aguarda aprovação pela China, dizem fontes

PEQUIM/XANGAI (Reuters) - A China ainda não aprovou a proposta da fabricante norte-americana de chips Qualcomm para aquisição da NXP Semiconductors por 44 bilhões de dólares, disseram três pessoas próximas às negociações, rejeitando notícias veiculadas na mídia de que Pequim já teria dado o sinal verde para a transação.

Silhueta de funcionário no estande da Qualcomm em convenção em Las Vegas, EUA 08/01/2018 REUTERS/Steve Marcus

A aprovação chinesa removeria uma barreira de longa data para o acordo, que foi emaranhado pelas tensões comerciais mais amplas entre os Estados Unidos e a China. A aquisição já obteve a aprovação de oito dos nove órgãos reguladores globais. A China é a exceção.

O South China Morning Post, com sede em Hong Kong, informou na manhã de sexta-feira que a China deu seu sinal verde para o acordo, citando pessoas com conhecimento do assunto.

Mas fontes da Reuters, que estão próximas ao acordo Qualcomm-NXP, disseram que não estavam cientes de qualquer aprovação chinesa. Um deles disse que as tarifas dos EUA sobre produtos chineses podem afetar o processo.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta sexta-feira a implementação de uma tarifa de 25 por cento sobre 50 bilhões de dólares em bens da China relacionados a propriedade intelectual e tecnologia, e prometeu impor mais taxas se a China adotar medidas retaliatórias.

A Qualcomm não fez comentários imediatos na sexta-feira, enquanto a NXP não respondeu a pedido de comentários.

A Administração Estatal da China para Regulamentação do Mercado, o regulador que analisa os acordos de fusão, não respondeu imediatamente a um pedido de comentários enviado por fax.

Analistas disseram que uma aprovação chinesa seria significativa, já que removeria a última grande barreira ao acordo com a NXP, que é vista como fundamental para a Qualcomm diversificar seus negócios e impulsionar novas áreas como os carros inteligentes.

A fabricante de chips norte-americana estendeu por uma semana nesta sexta-feira sua oferta em dinheiro para comprar todas as ações da NXP.

A oferta agora está programada para expirar em 22 de junho, a mais recente de uma série de extensões desde que a Qualcomm anunciou inicialmente sua oferta pela empresa holandesa de semicondutores em outubro de 2016.

Por Michael Martina e Matthew Miller em Pequim; Adam Jourdan em Xangai; e Nikhil Subba e Arjun Panchadar em Bengaluru

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below