for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Polícia investiga serviços ilegais de streaming por toda Europa

Policiais durante partida de tênis em Roma 19/05/2019 REUTERS/Tony Gentile

MILÃO (Reuters) - Polícias de vários países da Europa deflagraram operações contra plataformas ilegais de serviços de streaming, informou a polícia italiana em um comunicado nesta quarta-feira.

Coordenadas pelas agências Europol e Eurojust, da União Europeia, as ações foram deflagradas na França, Alemanha, Itália, Holanda, Grécia e Bulgária, em um esforço conjunto para conter um mercado ilegal que ameaça os negócios de assinatura de grupos de mídia, como pay-per-view e vídeos sob demanda.

A polícia italiana disse ter localizado centros que piratearam e distribuíram conteúdo pago de televisão ilegalmente em plataformas de streaming em toda a Europa.

Em um comunicado separado, a polícia fiscal italiana disse que fechou uma plataforma ilegal, chamada de Xtream Codes, que tinha mais de 700 mil usuários.

Por Elvira Pollina, em Milão, e Domenico Lusi, em Roma

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up