October 17, 2019 / 4:40 PM / a month ago

Mubadala avalia emitir dívida e investir no 2º Vision Fund do Softbank

20/07/2017 REUTERS/Issei Kato

ABU DHABI (Reuters) - O fundo estatal Mubadala, de Abu Dhabi, está avaliando emitir dívidas em meio a condições atraentes de mercado e pode investir na oferta planejada de ações da gigante petrolífera Saudi Aramco, disse o executivo-chefe do grupo nesta quinta-feira.    Khaldoon Khalifa al Mubarak acrescentou que o fundo deixou seu investimento na fabricante de chips Advanced Micro Devices em setembro, após 12 anos, tendo feito 4,25 bilhões de dólares de seu investimento inicial de 770 milhões.    O Golfo viu uma enxurrada de emissão internacional de dívida, à medida que governos e empresas tiram vantagem das baixas taxas globais para atrair investidores que buscam rendimentos e aumentar a dívida a baixo custo.    “Vejo oportunidades devido ao preço, a dívida é muito atraente ... Certamente, analisaremos o mercado de dívida nos próximos meses ou semanas”, disse Mubarak, diretor executivo do grupo à Reuters.    O Mubadala tomará uma decisão de investimento sobre a oferta inicial de ações da Aramco “quando acontecer”, acrescentou.    A Aramco, a maior empresa de petróleo do mundo, pode anunciar na próxima semana a venda de uma fatia de 1% a 2% no mercado de Tadawul antes de uma possível listagem internacional, parte da estratégia de diversificação econômica do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman.     Mubarak também disse que o Mubadala, com 229 bilhões de dólares em ativos sob gestão, está considerando participar do Vision Fund 2 do japonês SoftBank, mas não tomou uma decisão.    Ele disse que o Vision Fund 1 do Softbank, no qual Mubadala contribuiu com 15 bilhões de dólares, teve um bom desempenho da perspectiva dos investidores com “retornos muito fortes”.    “Administramos nosso risco com muito cuidado (no Vision Fund 1) com títulos preferenciais com rendimento de 7% com uma carteira de 80 empresas. Vamos decidir (Vision Fund 2) quando for o momento certo para nós”.    Seus comentários vieram após a Reuters divulgar no início do mês que o fundador e presidente do SoftBank, Masayoshi Son, está tentando captar recursos para um segundo grande fundo de investimento em tecnologia, após o fracasso da oferta inicial da empresa de aluguel de escritórios WeWork e as avaliações cadentes de outros grandes investimentos.     Mubadala ainda tenta listar a Emirates Global Aluminium, mas alertou que este não é o melhor momento para sair da EGA, devido a uma correção nos preços do alumínio.    Ele também disse que o Mubadala tem interesse em incentivar ofertas iniciais de ações no mercado dos Emirados Árabes Unidos e que possui empresas que podem ser listadas localmente.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below