for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Toyota quer usar tecnologia autônoma avançada primeiro em veículos comerciais

05/03/2019 REUTERS/Denis Balibouse

TÓQUIO (Reuters) - A Toyota Motor planeja instalar os primeiro recursos avançados de direção autônoma em veículos comerciais antes de adicioná-los a carros destinados a uso pessoal, disse nesta terça-feira um executivo da empresa.

Segundo a empresa, será mais fácil aplicar a tecnologia de direção autônoma sem monitoramento humano constante em táxis e veículos que a Toyota estiver desenvolvendo, incluindo serviços de transporte privado, lojas móveis e ambulâncias, disse James Kuffner, chefe do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Avançado da Toyota (TRI-AD).

Os operadores desses veículos podem controlar quando e para onde são enviados e supervisionar sua manutenção, disse ele a repórteres no lançamento de seus novos escritórios em Tóquio.

“Levará mais tempo para atingir o ‘Nível 4’ para um veículo de uso pessoal”, disse Kuffner, referindo-se ao nível de automação no qual os veículos se conduzem sozinhos sob condições limitadas.

A Toyota deve lançar seu primeiro carro autônomo de ‘Nível 2’, capaz de dirigir em estradas, como parte de sua estratégia para desenvolver carros autônomos nas próximas décadas.

A Toyota e fornecedores, incluindo a Denso Corp, que também investe no TRI-AD, estão adotando uma visão mais focada no longo prazo em relação aos carros com tecnologia autônoma e inteligência artificial (IA) do que muitos concorrentes que já comercializam veículos autônomos capazes de dirigir em rodovias.

Muitos dos rivais da Toyota, no entanto, reduziram seus objetivos de desenvolvimento após acidentes nos carros da Tesla demonstrarem a complexidade da tecnologia autônoma e a dificuldade de superar obstáculos regulatórios.

Por Naomi Tajitsu

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up