for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Colômbia manda Google cumprir regras de proteção de dados

Logotipo do Google. 1/9/2020. REUTERS/Charles Platiau

BOGOTÁ (Reuters) - Reguladores colombianos mandaram nesta sexta-feira o Google, da Alphabet, perguntar claramente a cada usuário se pode usar dados pessoais que estão sendo obtidos sem autorização.

O descumprimento pode levar a investigações, sanções e multas equivalentes a 1,76 bilhão de pesos (480,5 mil dólares), disse a Superintendência da Indústria e Comércio do país.

“A decisão foi tomada ... após constatar que a política de tratamento de informações usada pelo Google não atende a 52,63% dos requisitos exigidos pela regulamentação colombiana.”

O escritório do Google na Colômbia afirmou que respeita as leis do país e avaliará o pedido assim que for notificado.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up