for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Envios de smartphones na China recuam 15,6% em agosto, mostram dados do governo

24/08/2020 REUTERS/Tingshu Wang

XANGAI (Reuters) - Os envios de smartphones da China caíram 15,6% em agosto em comparação com o ano anterior, mostraram dados do governo divulgados nesta quinta-feira.

Os números mostram que a demanda do consumidor por aparelhos continua baixa e que empresas como a Huawei, Xiaomi e Apple terão mais dificuldades em convencer os clientes a comprar seus produtos mais recentes.

Os fabricantes de telefones venderam 24,4 milhões de aparelhos em julho, ante 33 milhões no ano anterior, de acordo com a Academia Chinesa de Tecnologia da Informação e Comunicação (CAICT), um grupo de estudos apoiado pelo governo.

O declínio segue os dados fracos dos meses anteriores, já que os envios de maio, junho e julho caíram 10%, 16% e 35%, respectivamente.

A China é um dos poucos países onde as lojas de varejo reabriram quase totalmente após as medidas de isolamento relacionadas ao vírus, tornando-se um mercado-chave para marcas de hardware este ano.

Por Josh Horwitz

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up