for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Alibaba formará joint venture com Dufry

REUTERS/Jason Lee

ZURIQUE (Reuters) - O Alibaba planeja adquirir uma participação de até 9,99% no grupo suíço de lojas duty free Dufry, disse a Dufry nesta segunda-feira, ao anunciar uma joint venture com a gigante chinesa de comércio eletrônico.

“O Alibaba Group e a Dufry concordaram em entrar em uma colaboração para explorar e investir em oportunidades na China para desenvolver o negócio de varejo de viagem e aprimorar a transformação digital do Dufry”, disse a empresa em comunicado.

A companhia, como muitas outras na indústria de turismo, sofreu impacto da Covid-19 e planeja pedir aos acionistas em 6 de outubro que financiem a compra da unidade Hudson por meio de uma nova emissão de ações.

A empresa afirmou que o compromisso do Alibaba significa que agora espera obter receitas de 700 milhões de francos suíços (763 milhões de dólares) por meio da emissão, acima dos 500 milhões de francos anteriormente.

Em agosto, a Dufry concordou em comprar o restante da Hudson por 7,70 dólares por ação em um negócio em dinheiro no valor de cerca de 311 milhões de dólares, que retirará a Hudson da Bolsa de Valores de Nova York.

O grupo de private equity Advent International poderá obter uma participação de quase 20% na Dufry por meio da emissão, financiando até 415 milhões de francos.

O Alibaba terá uma participação de 51% na joint venture, enquanto a Dufry ficará com o restante. Juntamente com a busca de oportunidades de crescimento na China, a joint venture buscará ajudar a Dufry a expandir seus negócios no varejo de viagens online, disse o grupo suíço.

Por Brenna Hughes Neghaiwi

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up