19 de Outubro de 2016 / às 18:12 / 10 meses atrás

LinkedIn diz que hacker ligado a vazamento em 2012 foi preso

(Reuters) - O LinkedIn disse que a prisão de um homem russo acusado de praticar ataques hackers divulgada nesta quarta-feira estava relacionada a um vazamento revelado anteriormente na empresa de redes sociais.

"Somos gratos pelo trabalho árduo e a dedicação do FBI em seus esforços para localizar e capturar as partes que acredita-se serem responsáveis por esta atividade criminosa", disse o LinkedIn em comunicado.

A polícia tcheca prendeu um homem russo procurado por conexões com ataques hackers a alvos nos Estados Unidos, disse a polícia.

A prisão foi conduzida em cooperação com o FBI, dos EUA, e tribunais tchecos decidirão se ele será extraditado aos EUA, disse a polícia no fim da terça-feira.

Uma autoridade dos EUA disse à Reuters que o homem era procurado por um ataque hacker mais antigo e não pelos recentes casos de ciberataques envolvendo políticos norte-americanos.

Por Jim Finkle

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below