4 de Setembro de 2017 / às 21:02 / em 3 meses

Reclamações contra operadoras de telecomunicações caem 11,1% em julho, diz Anatel

SÃO PAULO (Reuters) - As reclamações contra operadoras de telecomunicações em julho caíram 11,1 por cento ante igual mês de 2016, disse nesta segunda-feira a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

No mês foram registradas 281,1 mil queixas em todo o país, sendo 133,5 mil relativas a serviços de telefonia móvel, 60,6 mil sobre telefonia fixa, 43,9 mil da banda larga fixa e 41 mil ligadas a TV por assinatura, de acordo com a Anatel.

Entre as prestadoras de telefonia móvel, a Tim foi a que registrou mais reclamações em julho, com 45,3 mil casos. Apesar disso, o número foi 13,7 por cento menor na comparação anual, conforme a agência.

A Vivo apareceu na segunda posição, com 32,6 mil queixas (-17,3 por cento), seguida por Claro, com 29,4 mil (-10 por cento), Oi com 16,8 mil (-21,4 por cento) e Nextel com 8,9 mil (-37,9 por cento).

Na telefonia fixa, a Oi liderou com 32,1 mil reclamações, 18,3 por cento menos ante julho do ano passado. Já em TV por assinatura, todos os grupos monitorados pela Anatel tiveram aumento no número de queixas, exceto a Oi.

Por Gabriela Mello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below