January 18, 2019 / 1:45 PM / 5 months ago

Foxconn corta 50 mil vagas temporárias na China, diz Nikkei

(Reuters) - Maior montadora de iPhones da Apple, a Foxconn demitiu cerca de 50 mil trabalhadores temporários na China desde outubro, meses antes do normal, publicou o jornal Nikkei nesta sexta-feira.

A escala dos cortes não é necessariamente maior que a de anos anteriores, mas ocorre significativamente mais cedo, de acordo com a reportagem, que cita fonte da indústria familiarizada com a situação.

“É bem diferente este ano pedir que trabalhadores da linha de montagem saiam antes do fim do ano”, disse a fonte ao Nikkei.

A Foxconn, formalmente conhecida como Hon Hai Precision Industry, não estava imediatamente disponível para comentar o assunto.

No início deste mês, o Nikkei havia noticiado que a Apple cortou o plano de produção do trimestre para novos iPhones em 10 por cento devido à desaceleração da demanda na China, maior mercado de smartphones do mundo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below