January 21, 2019 / 3:36 PM / a year ago

Fabricante chinesa de drones DJI diz que funcionários inflaram custos de peças

Drone em loja da DJI em Hong Kong, na China 22/09/2016 REUTERS/Bobby Yip

XANGAI (Reuters) - A fabricante chinesa de drones DJI Technology, que está promovendo uma investigação sobre supostos atos de corrupção cometidos por funcionários, afirmou nesta segunda-feira que o caso envolveu empregados que inflaram o custo de componentes para ganho pessoal.

A companhia estima que tais incidentes poderão custar à empresa até 1 bilhão iuans (147 milhões de dólares), mas afirmou que “não vai incorrer em prejuízo em 2018”.

Na sexta-feira, a DJI informou em comunicado que estava “investigando casos graves de corrupção na companhia que levaram a perdas de mais de 1 bilhão de iuans em 2018”.

Procurada, a DJI não deu mais detalhes.

Por Josh Horwitz

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below