May 2, 2019 / 2:17 PM / a month ago

Reino Unido investigou vazamento da Huawei porque partiu de alto escalão, diz porta-voz de May

Ex-ministro da Defesa do Reino Unido, Gavin Williamson 02/04/2019 REUTERS/Alkis Konstantinidis

LONDRES (Reuters) - O governo britânico precisou investigar o vazamento de informações secretas relacionadas à empresa de telecomunicações chinesa Huawei porque a revelação partiu de uma reunião confidencial da cúpula de inteligência, disse o porta-voz da prêmie Theresa May nesta quinta-feira.

A primeira-ministra demitiu o ministro da Defesa, Gavin Williamson, na quarta-feira, por causa do vazamento de uma reunião do Conselho de Segurança Nacional (NSC) que discutiu a coordenação de inteligência e a estratégia de defesa.

“A primeira-ministra vê claramente que a proteção da informação em questões de segurança nacional é da mais alta importância. É vital que os ministros possam receber informações sobre questões de segurança e que a segurança dessas informações seja protegida”, disse o porta-voz.

“Não se tratou do que vazou, foi sobre de onde isso vazou e da importância de manter a confiança e a integridade do Conselho de Segurança Nacional.”

Por Elizabeth Piper

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below