July 12, 2019 / 9:01 PM / 5 months ago

Chile abrirá licitação para cabo submarino entre América do Sul e Ásia

SANTIAGO (Reuters) - O Chile começou a dar os primeiros passos para o lançamento do primeiro cabo submarino de fibra óptica entre a América do Sul e a Ásia, um projeto em que a gigante chinesa Huawei e a japonesa NEC mostraram interesse, afirmou o governo nesta sexta-feira.

O país assinou acordo de 3 milhões de dólares com o banco de desenvolvimento CAF para financiar um estudo sobre assuntos técnicos, legais, financeiros e econômicos para a posterior execução do projeto, disse o ministério dos Transportes e Telecomunicações do Chile.

A licitação para o estudo de viabilidade será aberta na próxima semana com prazo de 30 dias para inscrições. Entre novembro deste ano e junho de 2020 três projetos deverão ser entregues, abrindo caminho para a licitação que escolherá os grupos que construirão o cabo.

O estudo “permitirá identificar as possibilidades de traçado para o projeto, que posiciona o país como a porta de entrada de dados para toda a região e como lugar atraente para estabelecer centrais de processamento de dados a serem conectadas à fibra”, disse a ministra de Transportes, Gloria Hutt.

O cabo deve percorrer 24 mil quilômetros e o governo chileno espera que o traçado inclua a ilha de Páscoa, no meio do Oceano Pacífico. A iniciativa tem apoio de Argentina, Brasil e Equador.

Por Natalia Ramos

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below