July 30, 2019 / 9:09 PM / in 23 days

Aliança "Five Eyes" pede acesso a material criptografado de empresas de tecnologia

Priti Patel, secretária de Interior do Reino Unido 26/07/2019 REUTERS/Toby Melville

LONDRES (Reuters) - A aliança de inteligência “Five Eyes”, liderada pelos Estados Unidos, disse nesta terça-feira que as empresas de tecnologia devem permitir que as agências de segurança acessem seu material criptografado, alertando que não permitir isso coloca as pessoas em risco.

Depois de uma cúpula de dois dias em Londres, ministros do grupo, composto por Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Austrália e Nova Zelândia, disseram que a criptografia não deve ser usada à custa da segurança do público.

“Estamos preocupados quando as empresas projetam seus sistemas deliberadamente de uma maneira que impede qualquer forma de acesso ao conteúdo, mesmo nos casos de crimes mais graves”, disse o grupo em comunicado após a conferência.

“As empresas de tecnologia devem incluir mecanismos no projeto de seus produtos e serviços criptografados, por meio dos quais os governos, agindo com a autoridade legal apropriada, podem obter acesso aos dados em um formato legível e utilizável.”

No entanto, empresas de tecnologia alertam que colocar aberturas em seus sistemas para permitir o acesso das autoridades enfraquecerá a segurança e as tornará mais vulneráveis a ataques de criminosos ou de Estados estrangeiros.

“O Five Eyes está unido em afirmar que as empresas de tecnologia não devem desenvolver seus sistemas e serviços incluindo criptografia de ponta a ponta, de forma que capacitem criminosos ou coloque pessoas vulneráveis em risco”, disse a secretária do Interior britânica, Priti Patel.

O Ministério do Interior britânico disse que a indústria de tecnologia, que participou de uma mesa redonda com ministros, concordou em colaborar com Five Eyes em um conjunto de princípios voluntários, que serão redigidos até o final de setembro, sobre medidas para combater o abuso sexual infantil, incluindo a crescente ameaça de transmissões ao vivo.

Por Mark Hosenball e Michael Holden

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below