for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

CEO do Goldman Sachs diz que cartão de crédito da Apple é "um começo"

Logotipo e ticker do Goldman Sachs é mostrado num painel durante sessão da bolsa de Nova York. 18/12/2018. REUTERS/Brendan McDermid

NOVA YORK (Reuters) - O Goldman Sachs tornou-se oficialmente um emissor de cartões de crédito nesta terça-feira, lançando seu primeiro produto com a Apple, mas o banco tem aspirações muito maiores na área de empréstimo ao consumidor, disse o presidente-executivo em comunicado interno visto pela Reuters.

O cartão de crédito virtual é o primeiro do Goldman, e representa um grande impulso do banco para construir seus negócio para clientes jovens.

“O cartão da Apple é grande, mas também é um começo”, escreveu David Solomon em e-mail a funcionários. “Nas próximas décadas, espero que sejamos líderes nos negócios de consumo, assim como somos em nossos negócios institucionais e corporativos.”

Solomon não disse se o banco está procurando outros parceiros para lançar cartões de crédito com mais marcas.

O Goldman começou a vender produtos bancários ao consumidor há três anos, com o lançamento do Marcus, seu banco online. O Marcus agora tem mais de 5 bilhões de dólares em empréstimos e mais de 50 bilhões em depósitos de cerca de 4 milhões de clientes nos Estados Unidos e no Reino Unido.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up