for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Google diz que hackers apoiados por governos estão intensificando ataques de phishing

Logotipo do Google. 12/4/2020. REUTERS/Dado Ruvic

(Reuters) - Especialistas em segurança do Google, da Alphabet, identificaram mais de uma dúzia de grupos de hackers apoiados por governos usando a pandemia de Covid-19 como cobertura para realizar tentativas de ataques com phishing e malware.

O Google disse nesta quarta-feira que o Threat Analysis Group observou hackers atacando organizações internacionais de saúde, incluindo atividades citadas pela Reuters do início do mês, com a Organização Mundial da Saúde sendo um dos alvos.

A OMS e outras organizações, no centro de um esforço global para conter o coronavírus, sofreram um bombardeio digital sustentado por hackers que buscam informações sobre a pandemia.

O Google afirmou ter detectado 18 milhões de mensagens por dia de malware e phishing no Gmail relacionadas à pandemia.

“Uma campanha notável tentou direcionar contas pessoais de funcionários do governo dos EUA com iscas de phishing usando redes norte-americanas de fast food e mensagens sobre Covid-19”, disse o Google em um post.

O Google disse que está trabalhando para identificar e prevenir ameaças, usando ferramentas de investigação internas, compartilhamento de informações com parceiros e policiais, além de pistas e informações de pesquisadores de terceiros.

Por Munsif Vengattil

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up