for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Tribunal alemão proíbe anúncios da Tesla sobre direção autônoma

REUTERS/Aly Song

FRANKFURT (Reuters) - A Tesla está proibida de repetir alegações não provadas em anúncios publicitários sobre as capacidades de seus sistemas de assistência ao motorista, incluindo a possibilidade de seus veículos serem totalmente autônomos, disse um juiz em Munique nesta terça-feira.

A Tesla pode recorrer da decisão. O tribunal ouviu um caso apresentado pelo alemão Wettbewerbszentrale, um órgão financiado pela indústria encarregado de policiar práticas anticompetitivas.

O tribunal de Munique concordou com a avaliação do órgão e proibiu a Tesla de incluir “potencial completo para direção autônoma” e “inclusive piloto automático” em seus materiais publicitários na Alemanha.

(Por Alexander Huebner)

((Tradução Redação São Paulo; 55 11 56447727))

REUTERS PS AAJ

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up