19 de Novembro de 2009 / às 15:08 / em 8 anos

Merrill Lynch reduz previsão de crescimento para semicondutores

(Reuters) - O BofA Merrill Lynch reduziu sua previsão de crescimento para a indústria global de semicondutores em 2010 e reduziu sua recomendação para 10 fabricantes de processadores, incluindo a Intel, tornando-se mais cauteloso sobre o grupo com as expectativas de uma modesta alta nos estoques de redes de fornecimento global.

“Acreditamos que qualquer correção na cadeia de fornecimento irá prejudicar ações de empresas de semicondutores”, disse o Merrill Lynch em nota aos clientes.

A corretora reduziu a recomendação da Intel, maior fabricante mundial de chips, para “neutro” de “comprar”, e fez uma recomendação similar para as concorrentes LSI Corp, Marvell Technology Group, Texas Instruments e ASML Holding NV.

O BofA Merrill Lynch diminuiu sua estimativa de crescimento em 2010 para 18 por cento, ante 21 por cento, e reduziu para “underperform” as fabricantes Microchip Technology, Maxim Integrated Products, National Semiconductor, Power Integrations e ARM Holdings Plc.

Depois de um período de rápido preenchimento dos estoques, bem como a normalização dos embarques de semicondutores a um nível “verdadeiro” de consumo, os estoques na cadeia de fornecimento estão chegando a um nível que sugere uma modesta “sobrepassagem” ante os níveis de equilíbrio, segundo a corretora.

Apesar da cautela da corretora na visão do setor, ela ainda espera crescimento na demanda por eletrônicos em conjunto com a recuperação econômica.

Reportagem de Tenzin Pema

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below